Estação Pátio: conheça a Cutelaria

14 de março de 2011

Uma das atividades mais antigas praticadas pelo ser humano, e que se encontra em constante adaptação no nosso dia-a-dia, a arte da cutelaria exige talento e dedicação de quem a realiza. Muitos desconhecem, mas o ofício é utilizado na confecção de utensílios, como facas, canivetes e espadas. O método é artesanal, feito, principalmente, com o esforço e a habilidade artística manual, sem grande auxílio de máquinas operatrizes.

Para conhecer um pouco mais sobre este ofício raro nos dias atuais, considerado por muitos uma verdadeira obra de arte, que também é pouco divulgado, o projeto Estação Pátio Savassi abre o primeiro encontro de 2011, com foco no tema ‘Ver e Ouvir o diferente’, com uma conversa sobre ‘A arte da cutelaria’. O evento será no dia 19/03, no anfiteatro (L2) do Shopping Pátio Savassi, a partir de 11h.

O encontro contará com a presença do filósofo, Paulo Mariz, e do artista Antal Bodolay, especialista na arte da cutelaria em Belo Horizonte (MG). Juntos, eles conduzirão uma conversa descontraída sobre a história de Bodolay, que é Hungaro e veio para o Brasil ainda menino, e sua arte de fazer facas e espadas.

Segundo Paulo Mariz, que indicou o tema para este encontro, o trabalho artístico de Bodolay é único, pois, cada peça é impossível de se replicar ou copiar. “Produzir arte por meio de um trabalho tão duro e braçal é quase inacreditável. Mas, quando acompanhamos o processo desde o início da produção da peça até o produto final, temos certeza que estamos diante de uma obra de arte, marcada pela sua singularidade”.

Acompanhe novidades sobre o evento Estação Pátio através do Twitter da Estação do Saber e sua página no Facebook.

Tags: , ,

15 comentários

  1. Luiz Otávio Pereira disse:

    Cutelaria. Ótimo tema. Desconhecido da maiora das pessoas. Vou conferir para ver o que há de arte nisso. Vou divulgar.

  2. Luiz Otávio Pereira disse:

    Sugiro constar do texto, que é ótimo, a respeito de ingresso gratuito ou pago. Também a respeito de necessidade ou desnecesidade de inscrição prévia.

  3. Estação do Saber disse:

    Olá Luiz, obrigado pelas considerações, iremos inserir as infos no texto.
    Aproveitando, o evento é aberto a todo público e não há necessidade de inscrição prévia.
    Nos encontramos lá no sábado?
    Obrigado

  4. Estação do Saber disse:

    Olá Luiz… o tema realmente é atípico. Certamente Bodolay e Paulo terão uma conversa bem interessante e explicativa sobre o assunto.
    Contamos com sua presença lá!
    Obrigado

  5. Cássia Botelho disse:

    Olá Júlia ! Acho que a manifestação da arte na cutelaria é uma abertura e tanto para ” Ver e ouvir o diferente” ! Parabéns pelos convidados e pela iniciativa! Um abraço!

  6. Estação do Saber disse:

    Olá Cássia, você está mais que convidada para o evento!
    Obrigado pelas considerações e esperamos você lá

  7. Patiu disse:

    Muito diferente! Adorei a idéia. Vou ver se vou…

  8. Patiu disse:

    Tô lembrando aqui agora, vcs já convidaram o sen sei do karatê para falar? Seria bem interessante e… diferente!

  9. Marta Villefort de Andrade disse:

    Já estava sentindo falta da Estação. Não sei nada sobre cutelaria. Adorei poder conhecer. Obrigada. Estarei lá. Ah! estou repassando aos amigos.

  10. sergio n ricci disse:

    Infelizmente nao poderei ir ao evento,sou de sao paulo,e trabalho neste final de semana tambem
    SOU COLECIONADOR DE LAMINAS(facas,canivetes etc) e gostaria de manifestar minha saudação a essa “”fera”" Sr.Antal ,precursor da atual cutelaria nacional .Quem puder ir nao perca,trata-se de um evento unico e de muito proveito.recebam meu abraço os organizadores

  11. Estação do Saber disse:

    Olá… também transmitiremos o evento ao vivo pelo http://www.estacodosaber.art.br
    Aliás, neste ano discutiremos o Ver e Ouvir o Diferente. Por acaso você teria alguma sugestão de temáticas para eventos futuros?
    Obrigado.

  12. Estação do Saber disse:

    Ótima dica, ficará registrada!
    Obrigado

  13. Estação do Saber disse:

    Marta, você é mais que bem vinda em nosso evento. Para os que se interessarem e eventualmente não puderem comparecer, transmitiremos online pelo http://www.estacaodosaber.art.br
    Esperamos você
    Obrigado

  14. Estação do Saber disse:

    Olá Sérgio, certamente transmitiremos ao Bodolay todo o feedback que tivemos sobre a temática do evento. Aliás, nos surpreendeu a projeção do público interessado no assunto.
    A boa notícia é que, para quem não puder acompanhar fisicamente o evento estaremos o transmitindo ao vivo pelo site http://www.estacaodosaber.art.br além de comentários pelo http://www.twitter.com/estacaodosaber
    Não deixe de acompanhar
    Obrigado

  15. [...] O primeiro evento foi marcado com a presença dos convidados Paulo Mariz e Antal Bodolay com a temática Cutelaria. [...]

Deixe um comentário