Manifestações urbanas e o bem viver

10 de novembro de 2011

O homem encontra e se utiliza de várias formas para expressar seus sentimentos, valores, ideologias e insatisfações. Mas as manifestações, de vários gêneros e causas, nas ruas das grandes metrópoles continuam sendo uma das mais utilizada pelos indivíduos para ganhar força e dar visibilidade às suas motivações.

Exemplos não faltam, como o “Occupy”, movimento iniciou em Wall Street e vêm ocorrendo em várias cidades pelo mundo questionando o sistema e as crises econômicas vigentes, e os flash mobs, que são organizados através das redes sociais para um encontro “divertido” na cidade. Ou ainda, as manifestações de arte urbana, considerado por alguns como uma das formas artísticas mais presentes e expressivas da sociedade civil.

Diante deste cenário de reinvenção dos espaços urbanos como palco de manifestações pelo mundo, o projeto Estação Pátio Savassi convidou a artista plástica, Brígida Campbell; o Mestre em Arte, Leandro Silva Acácio; o integrante do grupo Conjunto Vazio; Luther Blissett e o Mestre em Artes, Luiz Carlos Garrocho para debater o tema “O bem viver na cidade e com arte”.

O encontro, que encerra o ciclo de palestras do projeto em 2011, acontece no dia 19 de novembro (sábado), às 11h, no anfiteatro (L2) do Shopping Pátio Savassi (Avenida do Contorno, 6061 – Savassi).

Os convidados irão apresentar seus projetos e discutir sobre arte e manifestações urbanas. Irá se ouvir sobre o que pretendem os artistas e as pessoas que se expressarem em espaços públicos, como ruas e praças, e quais efeitos têm colhido destas intervenções. “Com esse debate queremos entender como as manifestações urbanas artisticas podem influenciar no bem-viver das pessoas e da própria comunidade”, diz a curadora e coordenadora do projeto, a psicanalista Júlia Ramalho Pinto.

Sobre os palestrantes

Brígida Campbell é artista plástica e pesquisadora. Professora do Curso de Artes Visuais da Escola de Belas Artes da UFMG.

Leandro Silva Acácio é Mestre em Arte e professor de arte na Fundação Torino.

Luther Blissett é integrante do grupo Conjunto Vazio, que esteve envolvido com várias ações e manifestações em Belo Horizonte.

Luiz Carlos Garrocho é Mestre em Artes, graduado em filosofia e doutorando em Artes. Atua como professor de Interpretação no Curso Profissionalizante de Teatro da Fundação Clóvis Salgado. Como gestor cultural, dirigiu o Centro de Cultura Belo Horizonte (199-2005).

Estação Pátio Savassi

O Projeto Estação Pátio Savassi é uma realização da Estação do Saber e do Shopping Pátio Savassi, com curadoria de Júlia Ramalho Pinto. O projeto está no sexto ano de realização, com palestras gratuitas quinzenais, sempre nas manhãs de sábados, onde são discutidos temas contemporâneos com a participação de intelectuais, escritores e profissionais renomados.

As palestras poderão ser acompanhadas através do Twitter de Júlia Ramalho Pinto e da Estação do Saber com postagem de frases e comentários ao vivo das apresentações. O evento também será transmitido via Ustream na página da Estação do Saber www.estacaodosaber.art.br.

Deixe um comentário